Sim, existe diferença entre as duas e quando a compreensão desses conceitos não está clara, os resultados do seu negócio podem ficar mascarados e afetar a gestão de finanças. Existe um ponto em comum entre a lucratividade e a rentabilidade: as duas estão relacionadas com o lucro líquido da sua empresa, mas possuem funções diferentes. Vamos entender?

Lucratividade é um indicador que vai mostrar o quanto seu negócio efetivamente ganhou em relação a tudo que recebeu.

Para exemplificar melhor: o valor de um produto vendido pela sua empresa não vai totalmente para o seu negócio, é preciso tirar os custos de mão de obra, estrutura, fabricação/compra, impostos etc. Esse valor que “sobra” é o lucro líquido que é destinado para os sócios e acionistas. A lucratividade é a relação entre o valor do lucro líquido e o valor das vendas em percentual, ou seja, os ganhos da empresa comparados ao seu faturamento. É uma medida percentual que revela se a empresa consegue cobrir os custos e ainda gerar um bom percentual de lucro com as vendas.

A rentabilidade tem a ver com o investimento inicial do negócio e em quanto de retorno ele é capaz de proporcionar. É possível mensurar quanto a empresa rendeu a partir do investimento inicial realizado para abrir o negócio. É aí que entra a rentabilidade, calculando com base na relação entre lucro líquido e os investimentos realizados pela empresa. Nessa caso, pode-se fazer esse cálculo com o lucro líquido total e a soma de investimentos de um período ou com investimentos pontuais.

Deu para perceber a diferença entre esses dois termos? A lucratividade compara o lucro final da empresa com faturamento das vendas e a rentabilidade compara o lucro final com os investimentos realizados. Os dois conceitos usam o lucro líquido, mas possuem finalidades totalmente diferentes, mas igualmente importantes para o seu negócio!

Está em busca de serviços de contabilidade para sua empresa? Conte com a Contabilidade Souza!